quarta-feira, 3 de junho de 2009



Divago nos meus dias

À procura da verdade

E no fundo apenas crio

Uma maior ansiedade

*

Procuro a libertação

Fico presa à incerteza

Vou à procura do sonho

E acabo na tristeza

*

Tudo na vida é utópico

Não há mentira ou verdade

Apenas o tempo passa

É assim a realidade

5 comentários:

Pena disse...

Brilhante e Talentosa Poetisa Amiga:
Mais um genial e fabuloso poema de encantar direccionado ao sentir precioso do desencanto humano existencial. Próprio dos enormes e gigantescos poetas e poetisas.
Excelente. Adorei!
Um poema nostálgico a que dá vida por magia. A sua! Fabulosa.
Beijinhos de um cordial respeito e estima numa sincera amizade...

pena

É uma fantástica poetisa. Bem-Haja, amiga!

Papoila disse...

A Realidade no verde esperança da planta da vida... que tu traças em palavras.

Beijinhos
BF

Carlos A.P.Ramos disse...

Gostei.Muito!

Anónimo disse...

"Tudo o que faço ou medito, fica tudo na metade,querendo quero o infinito, fazendo, nada é verdade...que nojo de mim me fica, ao olhar para o que fica... sou um mar de sargaço...onde boiam fragmentos de mar de além... Vontades ou pensamentos, não o sei e sei-o bem", dizia o poeta.

freefun0616 disse...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,酒店,