sábado, 5 de julho de 2008

Ausência

Sento-me no fio da esperança,
Embalada pelo desejo.
Adormeço nos braços do silêncio,
Mas é nos sonhos que divago.
Não quero acordar...
Quero ficar assim constantemente
Na ausência, no torpor suave...
Quero deixar-me flutuar
Longe, bem longe, como ave...
Mas este sono não é eterno
E um súbito sobressalto
Devolve-me à dura realidade...
Abro os olhos...quero fechá-los
E ficar assim para a eternidade.

7 comentários:

emiteresa disse...

Como sempre, as palavras invadem o teu pensamento e escorrem pelos teus dedos, até chegar a nós. Gostei. É bom estar nesse limiar, nesse pairar tranquilo do qual não apetece acordar.
Beijos.

Carmim disse...

A realidade está permanentemente diante dos nossos olhos por mais que a queiramos ignorar!
Mas é como diz o velho ditado "é preciso pegar o touro pelos cornos".

Beijo.

Hands of Time disse...

Bom estar de volta! Magnificas palavras! :D

Catarino disse...

Seus textos são sempre muitos bons.
Vim ver as novidades e desejar que tenha um ótimo final de semana.

Catarino disse...

Vim avisar a amiga que tem um selo de presente para você lá no blog. Quando puder vá lá buscar.
Abraço.

Thunder disse...

É mesmo bom viver no sonho, porque aí a ausência é facilmente resolvida!
Beijos.

freefun0616 disse...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,酒店,