quarta-feira, 26 de maio de 2010

Ainda a saudade...


Imagem retirada da net via google imagens

Mais um dia surge no horizonte

Mais uma vez acordo sem te ver

E a minha alma, doente, caminhando

Vai trilhando as ruas do dever...
.
A vida perde sentido a cada hora

O Sol não tem o brilho de outros dias

As forças vão ficando entorpecidas

E a vontade, cada dia, vai embora.

Quero erguer a cabeça e lutar

Quero ser forte, conseguir ser eu de novo

Mas o mundo lá fora é agressor

Não sei se quero, se conseguirei,

Continuar a luta, sem ti, ó meu amor!

3 comentários:

Ana Tapadas disse...

Texto belo e triste, minha amiga...mas é importante o teu regresso!
Beijinho

ciranoz disse...

Espero que se restabeleça e encontre forças para seguir em frente.Porque é um talento - as pinturas são admiráveis - e ecreve bem, agora que a descobri quero passar mais vezes e ver novas coisas...

Miosótis disse...

Olá!
Será que ainda sou reconhecida por aqui?
Reparei no entanto que a tua ausência em posts é quase tão grande quanto a minha em visitar-te...
Mas, como dizes e muito bem, os amigos que se fazem por aqui jamais se esquecem.
E é sempre bom voltar!
Deixo um beijo embrulhado em pétalas de miosótis